sábado, 23 de maio de 2015

Comemorações do 23 de Maio no Setor Sul

Na manhã do sábado do dia 23 de maio de 2015, as comemorações do 23 de maio da Revolução de 32 envolveram a visita de pesquisadores associados dos núcleos de correspondência "Paulistas de Itapetininga! As Armas!!", "Campina de Heróis" e "Baionetas de Buri" da Sociedade Veteranos de 32-MMDC à sede da Floresta Nacional de Capão Bonito (Flona), a fim de concederem a este órgão pertencente ao Instituto Chico Mendes Biodiversidade (ICMBio) placa comemorativa alusiva à condição da Flona de Capão Bonito ter sido teatro de operações do Combate do Fundão e do Combate do Morro do Alemão ocorridos, respectivamente, a 22 de agosto de 1932 e de 31 de agosto a 1 de setembro de 1932.

Detalhe da portal de entrada da Flona Capão Bonito

A Flona de Capão Bonito situa-se neste município do sudoeste paulista, conhecido pela sua história de tropeirismo e também pela sua importância territorial na Revolução de 32, ao ter sido palco de combates como os do Fundão, Morro do Alemão, Cerrado, Paranapanema e Taquaral Abaixo, para os quais a defesa de São Paulo coube ao Exército Constitucionalista do Setor Sul, a comando do coronel Brazilio Taborda, tendo por tropas adversárias as sob o comando do general de divisão Waldomiro Castilho de Lima.

 Detalhe do Monumento da Praça do Tropeiro em Capão Bonito


 Detalhe do Monumento da Praça do Tropeiro em Capão Bonito


Detalhe da Catedral no Centro de Capão Bonito
testemunha predial da Revolução de 32


A solenidade de concessão de placa alusiva à condição de teatro de operações na Revolução de 32 contou com a presença das seguintes personalidades: Sra. Verônica Silva Veloso, chefe da Flona de Capão Bonito; Analista Ambiental Miriam Rosa Paron, fiscais ambientais, professor Jefferson Biajone, genealogista Afrânio Franco de Oliveira Mello e o Sr. Mário Sérgio Messias, filho de Mário de Barros Messias, veterano itapetiningano do lendário Batalhão 14 de Julho, uma das unidades do Exército Constitucionalista do Setor Sul que mais se destacaram nos combates ocorridos em Capão Bonito, Buri e região. 


Detalhe da placa comemorativa concedida à Flona de Capão Bonito


Detalhe da afixação da placa em local de destaque no
Centro de Visitantes da Flona de Capão Bonito


Personalidades partícipes do momento da concessão da placa


Personalidades partícipes do momento da concessão da placa


Detalhe do Centro de Visitantes da Flona de Capão Bonito
(antiga escola estadual local)

Além da solenidade de concessão e afixação da placa alusiva, os núcleos da Sociedade Veteranos de 32-MMDC em ItapetiningaBuri e Campina do Monte Alegre entregaram a placa de aço inoxidável por eles elaborada para a chefia da Flona, a fim de que os trabalhos de restauro do Monumento ao Soldado Constitucionalista Octávio Seppi - bravo do Batalhão 14 de Julho, pudessem então ser concluídos, tendo em vista a reinauguração deste monumento a ocorrer em solenidade prevista para às 14 horas da quarta feira do dia 8 de julho de 2015, a qual contará com a presença de personalidades civis e militares, bem como de familiares do voluntário Octávio Seppi, falecido em combate no então teatro de operações do que seria atualmente a Flona, a 26 de agosto de 1932.


Detalhe da placa de aço inoxidável concedida a Flona
para o Monumento ao Soldado Constitucionalista Octávio Seppi



Detalhe do Monumento ao Soldado Constitucionalista 
Octávio Seppi em reforma para reinauguração em 8/Jul/15



Detalhe do Monumento ao Soldado Constitucionalista 
Octávio Seppi em 23 de maio de 1952


Detalhe do Monumento ao Soldado Constitucionalista 
Octávio Seppi em 23 de maio de 2015


Com a concessão de ambas as placas à Flona de Capão Bonito, realizadas foram as comemorações do 23 de maio de 2015, data de expressiva importância para a historiografia da Revolução Constitucionalista de 1932, na qual, há exatos 83 anos, a 23 de maio de 1932, se deram as mortes dos quatro jovens Martins, Miragaia, Dráusio e Camargo, os primeiros quatro paulistas a doarem a plenitude de suas vidas pela Constituição, pela Liberdade e pela Democracia.


SUSTENTAE O FOGO QUE A VICTÓRIA É NOSSA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário